Polícia prende pai, tia e avô de bebê desaparecido em Belágua

Três pessoas foram presas pela Polícia Civil, na cidade de Belágua, (MA), a 280 km de São Luís, acusadas de envolvimento no desaparecimento do bebê Jonhatan Alves dos Santos (2 meses). A Justiça decretou as prisões temporárias do pai da criança, Tadeu Nascimento dos Santos; o avô, Raimundo Alves dos Santos; e da tia, Marilene Nascimento dos Santos.

Com as prisões efetuadas, a polícia espera encontrar o bebê que continua desaparecido. Não está descartada a possibilidade de que a criança tenha sido levada para uma outra cidade e até mesmo para um outro Estado.

Entenda o caso:

O bebê sumiu na madrugada da última sexta-feira (21), quando dormia em companhia dos pais. Pela versão apresentada pela mãe, a criança estava deitada em uma rede, no quarto do casal, quando alguém teria entrado na casa e raptado a criança.

O caso teve uma reviravolta depois que uma outra pessoa da família resolveu falar à polícia e acusar o pai e outros familiares, de envolvimento no crime. De acordo com as declarações prestadas, a tia do bebê, Marilene, estava tentando convencer os pais a dar para ela, a guarda de Jonhatan.

Como a mãe não aceitou, ela e o pai do bebê, tramaram o rapto da criança. Inclusive, existe a suspeita que eles tenham dopado a mãe para que ela não percebesse a ação.

A polícia suspeita que o próprio pai tenha tirado a criança do quarto e levado para à Marilene, que estaria aguardando no quintal. Mesmo estando presos, os acusados continuam negando participação no crime.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.