Moradores e professores fazem manifestação contra prefeita de Guimarães

Mais um grande ato foi realizado contra a administração da prefeita de Guimarães, Margarete Ribeiro, na manhã de hoje (19), que é aniversário daquela cidade. Moradores em um grupo organizado intitulado Movimento Vimarense Livre somaram-se aos professores com atraso salarial e fizeram um grande ato.

Com faixas onde pediam “socorro” para Guimarães e apontavam os repasses que a Prefeitura recebeu nos últimos tempos, inclusive do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica, o FUNDEB, os moradores percorreram ruas da cidade em protesto.

Os manifestantes fizeram também um ato na porta da Prefeitura Municipal, que estava realizando hoje, assim como nos últimos dias, ações em comemoração ao aniversário da cidade que já é quase tricentenário em anos.

Essa foi a segunda manifestação feita por aqueles moradores. No último domingo (14) um primeiro ato foi realizando cobrando, dentre outras coisas, melhores condições de tráfego na cidade, já que as ruas estavam completamente esburacadas (relembre aqui).

No dia seguinte, a prefeitura de Guimarães autorizou uma rápida operação tapa-buracos, a fim de tentar sanar o problema que os moradores estavam reclamando (reveja).

Nós procuramos a equipe da gestão da prefeita Margarete Ribeiro para saber qual a postura diante da manifestação de hoje (19) e quais as saídas para os problemas manifestados pelos moradores. Até a conclusão desta matéria eles não nos retornaram.

Veja vídeos das manifesteções:

Robert Willian Valporto

Robert Willian Valporto é graduado em Comunicação Social - Jornalismo; em Gestão Pública; pós-graduado em Assessoria e Gestão da Comunicação; MBA em Gestão Pública; Mestrando em Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *