É verdade! Jadilson emite nota justificando falso médico; veja!

Uma nota postada em alguns instantes na página de Facebook oficial da prefeitura, “Prefeitura de Mirinzal Compromisso e Ação”, o prefeito de Mirinzal, Jadilson Santos Coelho, confirma que o médico que estava de plantão não tinha inscrição no Conselho Regional de Medicina, válida.

sem-titulo

Em nota, o executivo municipal diz que “quem estaria escalado para o plantão, seria o Dr. Artur (…) mas por motivos de força maior o médico não pode comparecer”. Alem disso, afirma que “a diretoria do hospital entrou em contato com outro médico, desta vez de Cururupu, no entanto este último já estaria de plantão em outro hospital e também não poderia vir à Mirinzal, mas enviou um colega que estaria à disposição para cobrir o plantão, evitando que o hospital ficasse sem atendimento médico”.

A culpa, então, é do médico de Cururupu que enviou um médico sem CRM válido. A nota segue e diz que a Direção do hospital afastou o médico IMEDIATAMENTE após a enfermeira plantonista notar que o médico não tinha registro no CRM válido.

A nota continua dizendo que “é a oposição que quer pregar mentiras à população”, mesmo afirmando acima que o fato realmente aconteceu. Mas num gesto de humildade, pediu “desculpas à população afirmando que ficará bem mais atenta a partir deste ocorrido para que fatos como este não voltem a repetir-se no município de Mirinzal”, acrescentou.

Muitas emoções!

Robert Willian Valporto

Robert Willian Valporto é graduado em Comunicação Social - Jornalismo; em Gestão Pública; pós-graduado em Assessoria e Gestão da Comunicação; MBA em Gestão Pública; Mestrando em Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *