IDEB: educação de Porto Rico é a pior da região sob comando de Tatyana Mendes

No litoral-ocidental maranhense, só existe uma gestão mais fracassada que a do prefeito Jadilson, de Mirinzal, no que diz respeito à educação municipal. Esse município é Porto Rico do Maranhão, sob comando da comunista Tatyana Mendes.

A educação daquele município despencou em queda livre, relacionando os dados do ano de 2015 em relação aos divulgados nos últimos dias, referentes ao ano de 2017, primeiro ano de gestão de Tatyana.

Analisando as duas categorias destacadas, podemos analisar o tamanho do fracasso da administração, mesmo que a prefeita seja aliada do governo estadual, já que é do mesmo partido do governador Flávio Dino (PCdoB).

Se tratando da educação nos anos iniciais, até o 5º ano, a média que era de 7,6 em 2015, um dos melhores do Maranhão e do Brasil, criticamente despencou para 4,2 no ano de 2017, perdendo até para Mirinzal que conseguiu manter a média de 4,4 do último dado.

Já se tratando da educação nos anos finais, até o 9º ano, a média que era de 5,4 no ano de 2015 desceu consideravelmente para 3,2 no ano de 2017, representando o fracasso total do início da administração da prefeita comunista.

Sem popularidade no município e sem uma boa administração, a prefeita Tatyana Mendes conseguiu destruir aquela que era a melhor educação da região e uma das melhores do Maranhão e do Brasil nos anos anteriores.

Robert Willian Valporto

Robert Willian Valporto é graduado em Comunicação Social - Jornalismo; em Gestão Pública; pós-graduado em Assessoria e Gestão da Comunicação; MBA em Gestão Pública; Mestrando em Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *