Funcionários da Vale e engenheiros da empresa TÜV SÜD são soltos

Nesta terça-feira (5), a sexta turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) concedeu liberdade para três funcionários da Vale e dois engenheiros da empresa TÜV SÜD, que estavam presos desde o último dia 29.

Os funcionários foram presos após o rompimento da barragem de Brumadinho, por terem, segundo investigadores, participação direta no ocorrido.

A decisão do STJ é provisória e aguarda que o Tribunal de Justiça de Minas Gerais julgue o mérito dos pedidos de liberdade apresentados.

Ainda no dia da prisão, a empresa Vale emitiu uma nota declarando colaboração com as investigações: “A Vale permanecerá contribuindo com as investigações para a apuração dos fatos, juntamente com o apoio incondicional às famílias atingidas.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *