Mirinzal: vereador é ameaçado e PM precisa acompanhar sessão na Câmara Municipal

A Polícia Militar do Maranhão (PMMA) precisou acompanhar a Sessão Parlamentar da Câmara Municipal de Mirinzal nesta sexta-feira (12). Isso, por conta de ameaças sofridas pelo vereador Dennis Ribeiro (PDT), por um munícipe que tem contrato com a Casa Legislativa.

Policiamento acompanhou do início ao fim da Sessão Parlamentar (Foto: Divulgação)

Tudo começou após a Sessão da último dia 05 de julho, onde seria votado, pelos vereadores, um pedido de cassação do presidente da Casa, Dirceu Ribeiro (PCdoB), por supostos crimes em licitações realizadas – a votação acabou com três votos contra; quatro abstenções; um voto à favor; e uma ausência.

O vereador ausente na votação foi justamente Dennis Ribeiro que, por chegar um pouco atrasado, foi impedido pelo presidente da Casa participar da Sessão Parlamentar daquele dia, segundo ele, seguindo o regimento interno da Câmara.

Dennis Ribeiro está no seu segundo mandato de vereador no município de Mirinzal (Foto: AtéHoje)

Após a sessão, o senhor identificado como Quintino Pereira Barbosa, procurou o vereador Dennis Ribeiro para ironizar sua ausência na votação, insinuando que este teria interesse em votar à favor da cassação do presidente da Câmara.

Em resposta, Dennis disse que iria entrar com o pedido de investigações contra uma série de licitações da Casa, dentre elas uma que teria favorecido Quintino Barbosa, para prestação de serviços de reforma na sede da Casa Legislativa de Mirinzal.

Confrontado, Quintino Barbosa enviou uma série de áudios (segue abaixo) ameaçando o Vereador, dizendo que na sessão seguinte, a desta sexta-feira (12), iriam resolver “na bala”, “no murro”, ou de “qualquer outra forma”, caso a investigação fosse solicitada.

Diante disso, o Parlamentar precisou solicitar apoio da PM para que sua integridade fosse mantida durante a Sessão, e assim o fez.

Audio das ameaças:

Histórico

Na legislatura passada, Quintino Barbosa, ao assistir uma Sessão na Câmara, ao perceber que a vereadora Danira de Craveiro fazia cobranças contra o ex-prefeito de quem era aliado, interrompeu-a e passou a ofender a vereadora em plena Sessão Parlamentar, o que lhe rendeu um processo por danos morais, na comarca de Mirinzal, tendo sido condenado a indenizar a vereadora.

Posição

Durante a Sessão desta sexta-feira, o vereador Dennis Ribeiro usou a tribuna para falar sobre as ameaças e solicitar, da Casa Legislativa, apuração da denúncia. Quintino, que fez as ameaças, e que acompanha todas as sessões, não apareceu nesta.

Nossa equipe entrou em contato por mensagens e ligações ao presidente da Câmara Municipal de Mirinzal, Dirceu Ribeiro, para se pronunciar sobre a situação, tendo em vista envolver um prestador de serviço licitado da Casa ameaçar um parlamentar. Apesar de receber e visualizar os pedidos, o Presidente não se pronunciou sobre o assunto.

Robert Willian Valporto

Robert Willian Valporto é graduado em Comunicação Social - Jornalismo; em Gestão Pública; pós-graduado em Assessoria e Gestão da Comunicação; MBA em Gestão Pública; Mestrando em Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *