Filho do ex-senador Edison Lobão é preso no Rio de Janeiro pela Lava Jato

Márcio Lobão, filho do ex-senador e ex-ministro Edison Lobão, foi preso na manhã desta terça feira (10), às 7h, no Rio de Janeiro, na 65ª fase da Operação Lava Jato. De acordo com as investigações, Edison e Márcio Lobão receberam R$ 50 milhões de propinas dos Grupos Estre e Odebrecht, entre 2008 e 2014.

Além disso, a operação investiga benefícios em mais de 40 contratos, com valores chegando a R$ 1 bilhão da empresa Pollydutos Montagem e Construção, Estre Ambiental, Estaleiro Rio Tietê, entre outros. Em ambos os esquemas, há provas de entrega de propina em espécie para um escritório de advogados associados à família, também localizada no Rio de Janeiro.

De acordo com informações do Ministério Público Federal (MPF), as ações que caracterizam o crime de lavagem de dinheiro cometido por Márcio Lobão são: aquisição e venda de obras de arte com valores exorbitantes; inclusão de terceiros em compra e venda das obras de arte; operações de venda de imóvel e empréstimos com familiar; e movimentações bilionárias em nome de empresas no exterior, o que aumentou seu patrimônio em R$ 30 milhões.

O MPF diz, também, que está cumprindo mandados de busca e apreensão em endereços de galerias de arte e agentes financeiros, como Julius Bär, que cuidava as contas de Márcio Lobão no exterior.

Fonte: Correio Braziliense

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *