Mirinzal e a sequência de assaltos; PM promete intensificar ações

Nas últimas semanas, uma sequencia de assaltos atingiu a cidade de Mirinzal. Seja nas ruas ou em estabelecimentos comerciais da cidade, o clima se tornou de insegurança, como algum tempo atrás.

Os casos mais recentes foram de duas farmácias que foram alvo dessas ações criminosas, onde os indivíduos levaram dinheiro e até mesmo pertences pessoais de funcionários dos estabelecimentos, conforme as imagens abaixo publicadas pela página do Isto é Mirinzal:



A equipe do Portal AtéHoje entrevistou o Major QOPM, Wagner Silva Monteiro, da 2ª Companhia Independente de Polícia Militar, que respondeu algumas questões sobre a regularidade desses incidentes na cidade, e prometeu intensificar o trabalho de prevenção à criminalidade.

PORTAL ATÉHOJE: Ao que se deve a intensidade dos assaltos a pessoas nas ruas e a estabelecimentos comerciais da cidade, a exemplo de duas farmácias na última semana?
MAJOR WAGNER: houveram dois assaltos, onde um dos elementos foi pego, porém era menor de idade, no segundo assalto foi um elemento desconhecido, mas foram casos isolados.

PORTAL ATÉHOJE: Como a polícia tem agido no sentido de coibir a atuação desses criminosos?
MAJOR WAGNER: já mapeamos os horários, e a partir desta segunda-feira (23) estaremos funcionando com força total, operando com uma viatura do convencional no atendimento de ocorrências rotineiras; uma viatura da Força Tática atuando nos bairros mais violentos e com maiores ocorrências, além da ROCAM – quatro policiais e duas ou três motos motos – exclusivamente na área comercial.

PORTAL ATÉHOJE: Nos casos de menores infratores, o que PM tem feito para que as medidas disciplinares sejam aplicadas?
MAJOR WAGNER: neste ponto estamos desenvolvendo um trabalho conjunto com o Ministério Público, conselho tutelar e delegacia de polícia civil de Mirinzal, por exemplo quando pegamos um menor prática do um fato análogo a crime, levamos ele pra delegacia, ou entregamos mediante termo de entrega para os pais e logo em seguida remetemos a ocorrências para o MP, para responsabilizar os pais e o menor. Toda vez que encontramos uma criança ou adolescente temos o cuidado de garantir a integridade física e moral, porém não podemos deixar de imputar as responsabilidades. Seja dirigindo moto ou prática do fatos com violência sempre haverá responsabilidade, outro ponto importante a ser citado é o trabalho brilhante que a polícia militar desenvolve com a comunidade jovem e principalmente escolar, através da RONDA Escolar, onde percebemos uma redução drásticas nas ocorrências nas escolas.

PORTAL ATÉHOJE: Pelos dados da polícia, esses criminosos são da própria cidade ou de municípios vizinhos?
MAJOR WAGNER: Mirinzal é uma cidade situada na MA, logo mais vulnerável a meliantes de outras cidades, porém apenas um delito ainda não conseguimos identificar o autor, podendo ser da cidade ou de fora, mas os demais delitos tem participação de pessoas da cidade.

Robert Willian Valporto

Robert Willian Valporto é graduado em Comunicação Social - Jornalismo; em Gestão Pública; pós-graduado em Assessoria e Gestão da Comunicação; MBA em Gestão Pública; Mestrando em Comunicação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *